Tudo as coisas ou algo assim

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Matanza - O Último Bar (MTV Apresenta)


Mulherada, carnaval e eu aqui...



O Último Bar
Matanza

O último bar quando fecha de manhã
Só me lembra que não tenho aonde ir.
Bourbon tenho demais, mas que diferença faz
Se você não está aqui pra dividir?

Nada hoje em dia é como costumava ser,
Do jeito que era divertido um tempo atrás.
Varava noite adentro pelos bares por aí,
Enchendo a cara e perturbando a paz.

Não é nenhuma novidade
Ficar uma semana sem dormir,
Em cada esquina tem um bar,
Em cada copo uma vontade de sumir de vez daqui.

Mas se eu voltei pra essa cidade,
Foi atrás de muito tempo que eu perdi.
E cada vez que passa um Cadilac
Eu fico procurando se é você a dirigir.

Toda noite tem sempre alguém pra lhe dizer,
Que mulher que vai querer te ver assim.
Pleno festival, mulherada, carnaval e eu aqui
Com uma garrafa já no fim.