Tudo as coisas ou algo assim

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Gangrena Gasosa - Cambonos From Hell






Cambonos From Hell
Gangrena Gasosa

Aqui você sabe como é
Você me pede e eu dou
Mas não vá deixar de me pagar
Não me traia por favor
Praquele que cumpre com a obrigação
A vida nunca que desanda
Por que o terreiro de macumba
Não é a casa da Mãe Joana

Lenço branco e vestido de renda
Guia de contas e tamanco de pau
A cambono trabalha pro bem
Mas ela também trabalha pro mal

Eu é que sei da sua vida
Do seu trabalho e onde é que você mora
Depois de receber a sua graça
Não pense que vai cair fora
Quem me promete e não paga
Tá pedindo por mau agouro
O santo da casa pode te dar
Mas também pode tirar em dobro

Sou a mulher de confiança
que organiza o terreiro e o roncó
A força de Deus até pode ser grande
Mas a do Demônio é maior

E pra você que só quer curtir a vida
Agora que ela ficou melhor
Se hoje eu adianto o seu lado
Amanhã te encomendo num Ebó